O Papa Francisco é o Precursor de hoje na boa política para a paz mundial

[Leitura] L 1 Num 6, 22-27; Sal 66 (67), 2-3. 5-6 e 8 L 2 Gal 4, 4-7 Ev Lc 2, 16-21 + Mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial da Paz 2019

[Meditação] Já é de todos conhecida a exortação de os cristãos se devem meter na política, sem medo de que a Igreja os proíba. É, também, curiosa a constatação que soou nalgumas homilias deste primeiro de janeiro de 2019 de que quando os cristãos não “sujam as mãos” na política, existe a probabilidade de esta continuar em mãos ainda mais sujas, ecoando-se assim a mensagem do Papa para este Dia Mundial da Paz.

Na verdade, com a mensagem deste ano, em que acontecerão vários níveis de eleições, o Papa Francisco “mete-se” com a política por causa da Paz. É uma atitude corajosa, diria mesmo precursora (à maneira de João Batista), tendo em conta o elenco de vícios que o Pontífice diagnostica na que se pratica atualmente. De facto, a paz está acima da política e esta só a pode servir a partir de pressupostos éticos inalienáveis e irrefutáveis.

Na mesma mensagem, o Papa não se fica com críticas, mas parte para a construção da mesma paz, centrando-a no Mistério cristão e dando sugestões criativas que estão ao alcance da possibilidade de todos participarem, desde o próprio coração. Que esta declaração de bem-aventurança política nos ajude a viver um ano 2019 cheio da paz que o Senhor prometeu e que cabe a nós acolher!

[Oração] Oração a Nossa Senhora:

À vossa proteção recorremos,
Santa Mãe de Deus;
não desprezeis as nossas súplicas
em nossas necessidades;
mas livrai-nos sempre
de todos os perigos,
ó Virgem gloriosa e bendita.
Ámen.

[ContemplAção] Em: twitter.com/padretojo

%d bloggers like this: