Publicado em Lectio Humana-Divina

A Homilia da Cruz que “presta culto” a Deus

[Leitura] Act 16, 11-15; Jo 15, 26 – 16, 4a

[Meditação] Hoje mal pude fazer a homilia, pela rouquidão que ainda persiste. Chamei a atenção dos seminaristas para a Cruz da Evangelização da Europa que “dormiu” nesta casa formativa para, logo à tardinha, ser entregue aos jovens de um dos seis arciprestados desta Diocese de Viseu. Chamei-os à atenção para esta Cruz e para o que nela estava escrito: «Jornada de la Juventud. Europa. Buenos Aires. 1987» Curiosamente, na oração universal de hoje, fomos convidados a rezar pelo nosso continente europeu, que o Apóstolo Paulo evangelizou na sua segunda viagem, entrando pela Macedónia.

Portanto, calei-me e sugeri que deixássemos “falar” esta árvore da Cruz da Evangelização que o Papa João Paulo II entregou aos jovens da Europa em 1987. Ela liga-nos às raízes cristãs que somos convidados a defender contra aqueles que persistem em silenciá-las. Para isso, urge continuar a espalhar a paixão apostólica pela Mãe Igreja, não permitindo que a laicidade política deixe de reconhecer e respeitar a presença dos cristãos neste continente. A oração de hoje dá, também, ênfase aos que sofrem a solidão e a doença, para quem se suplica o acolhimento sereno da vontade de Deus que na Cruz esconde o seu desígnio de Amor para cada um. Por fim, apela-se aos fiéis mais simples das comunidades, para que não se deixem abalar por aquilo que ouvem dizer contra a fé, mas se alegrem no Espírito da verdade que procede do Pai.

A Cruz que liberta de todos os males e onde Jesus venceu a morte, é a melhor alternativa àqueles que pensam que, matando, prestam culto a Deus. Vemos isso nos fundamentalistas que esquecem ou, melhor, negam o verdadeiro fundamento da confissão da verdadeira fé: o Espírito da verdade que nos leva a relacionar com o único Deus que dá a vida e nos impele a testemunhar essa mesma vida. Hoje, a Cruz falou melhor do que esta reflexão escrita poderia ter dito!

[Oração] Oração Universal (2ª-feira; Semana VI da Páscoa)

[ContemplAção] Em: twitter.com/padretojo

Autor:

Padre da Diocese de Viseu