Publicado em Lectio Humana-Divina

Estar ligado a Jesus Cristo, uma questão vital

[Leitura] Jo 15, 1-8

[Meditação] Sempre admirei a ciência dos que sabem fazer a poda às videiras: cortam com a sabedoria de que há ramos que vão vingar e dar fruto melhor e outros que não darão tanto fruto. Jesus utilizou como metáfora esta atividade presente no seu tempo (como no nosso), para nos apresentar uma questão vital: a nossa ligação à sua Pessoa para podermos vir a dar frutos.Certamente, já todos sentimos alguns momentos de uma certa inconsequência ou infecundidade em relação àquilo que fazemos. São momentos de dura prova, pois nem sempre conseguimos permanecer ligados à Palavra de Deus no momentos em que o sucesso se esconde ou está do lado dos outros. Certamente, antes de considerar que a nossa vida pode perder significado e vir a não dar frutos se não estivermos ligados a Ele, quis dizer-nos que a sua Palavra é uma espécie de “tesoura da poda”, ou seja, limpa em nós o que não nos impede de dar fruto, como consequência da nossa firme e permanente ligação a Ele.

Para podermos dar fruto, que é uma característica dos discípulos de Cristo, precisamos de tomar consciência do que, em nós, é inútil, prejudicando o nosso desempenho no que toca ao pormos a Palavra de Deus em prática; dando espaço àquilo que favorece a escuta e uma humildemente corajosa vontade de seguir o Mestre numa radicalidade feita em factos e não somente em desejos infecundos. Assim, a nossa vida não “secará”. Sentiremos que somos discípulos quando as nossas obras “falarem” a Palavra de Deus.

[ContemplAção] Em: twitter.com/padretojo

Autor:

Padre da Diocese de Viseu