Cristo trespassa através do Padre para todos

[Leitura] Os 11, 1. 3-4. 8c-9; Is 12, 2. 3. 4bcd. 5-6; Ef 3, 8-12. 14-19; Jo 19, 31-37

[Meditação] «Hão de olhar para Aquele que trespassaram» — é a frase com que termina a proclamação do Evangelho desta Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, dia em que a comunidade da Igreja é convidada a rezar pela santificação dos que exercem o sacerdócio ministerial. Uma vez trespassado pela lança do soldado, o coração de Cristo nunca mais deixou de jorrar «sangue e água», uma vez que, em Sua memória, pediu aos Apóstolos continuarem a realizar o Santo Sacrifício da Eucaristia.

É o Padre que faz a Eucaristia em nome de Jesus Cristo, e em comunhão com o Bispo, em favor de todos os fiéis da Igreja. Também ele, desde a sua humanidade configurada a Cristo, vive trespassado para deixar o sumo Sacerdote chegar à mesa dos fiéis. Quem não for capaz de reconhecer Cristo através desta humanidade configurada a Ele, também não será capaz de O reconhecer na comunidade que celebra a Eucaristia. Não é desde a sua humana perfeição que os presbíteros nos fazem chegar Cristo à assembleia. As ações de Cristo na Igreja têm consistência por elas próprias, uma vez que é Ele que as preside.

A imagem que partilho nesta ocasião, é um monumento a D. Óscar Romero que o Papa Francisco irá canonizar no próximo mês de outubro de 2018. Nos seus escritos de jovem sacerdote, quando estudante em Roma (1940): «É esta a tua herança, ó sacerdote: a cruz. E é esta a tua missão: partilhar a cruz. Portador de perdão e de paz, o sacerdote corre até junto da cama dos moribundos, e uma cruz na sua mão é a chave que abre os céus e fecha o abismo».

Seria sublime se os fiéis acolhessem este “Cristo trespassado” ajudando os padres a purificarem a pastoral de tudo o que é política mundana, partilhando as cruzes dos sacerdotes, para que o amor de Jesus chegue a todos!

[Oração] Sagrado Coração de Jesus que tanto nos amais, fazei que Vos ame cada vez mais! (3x)

[ContemplAção] Em: twitter.com/padretojo

%d blogueiros gostam disto: