O Espírito, o lado e as mãos

De Tomé todos lhe descobrimos já o limite e o mérito. Por um lado, não sendo ele em primeiro assíduo à comunidade, sabemos que, por isso, não tinha uma fé mais forte, para o que precisou de tocar… Ler Mais

O "porquê" e o "como": da fábula à realidade, do plagal ao autêntico

Enquanto o homem não é capaz de contar a um bom interlocutor a sua história, de forma a poder ele próprio percorrê-la e contemplá-la com realismo, então tudo lhe paracerá uma fábula. Assemelho o narrar da história autobiográfica… Ler Mais

Porque olhas para um túmulo vazio?! Olha para ti, olha à tua volta! Está vivo!

Uma Páscoa Feliz, é o que eu te desejo, caro(a) leitor(a)! Ao vivermos o Tríduo Pascal desde a Missa da Ceia até à Solene Vigília Pascal, passando pela Celebração da Paixão, percebemos que existe uma clara passagem que… Ler Mais

O drama da Paixão de Jesus e a pedagogia cristã

O valor primário do drama reside no facto de ele permitir ao indivíduo uma experìência total de uma situação vivida e um discernimento completo que dessa situação lhe possa advir. O confronto que um crente pode fazer ao… Ler Mais

Celebrar com quem se dirige, hoje, para a "nova Jerusalém"

Vamos entrar na Semana Maior. A celebração central da nossa salvação, em que Jesus Cristo nos deu a sua maior prova de amor que sintetiza todas as suas palavras ditas e obras realizadas no meio dos homens. Hoje,… Ler Mais

Aquele pedaço de madeira…

São Francisco de Sales narra que numa localidade da Savoia existia um costume, por parte das meninas que iam buscar água ao poço, de clocar um pequeno pedaço de madeira sobre a superfície da água no recipiente. Tendo,… Ler Mais

A parábola das três cruzes

Sobre o calvário estão três cruzes. Nós, normalmente só contemplamos uma: a cruz de Jesus que está ao centro. Sobre as outros não poisamos o nosso olhar ou, antes, brincamos com elas sempre que um trio de amigos… Ler Mais